Análise: Elevator Action II (Arcade)

Game: Elevator Action II (UE) / Elevator Action Returns (J)
Plataforma:
Arcade
Desenvolvedor: Taito
Gênero: Ação
Lançamento: 1994
0002

Você provavelmente deve conhecer o arcade da Taito “Elevator Action”, de 1983, mas pouca gente sabe que a Taito lançou em meados dos anos 90 uma continuação – ou atualização – para o clássico, usando sua nova e poderosa placa F3.

0000

O original, de 1983...

0022

...e a sequencia 11 anos depois. Bela diferença, heim?

Elevator Action Returns – ou Elevator Action II dependendo da região – é bem precido com o seu predecessor, pelo menos no primeiro estágio. Onze anos depois e muitos jogos de ação em alta mexeram na estrutura do novo Elevator Action, que passou a ser mais um jogo de ação do que outra coisa, ao invés de apenas descer um prédio entrando em portas vermelhas e matando capangas da mafia, você precisa fazer muito mais.

Mandando um moonwalk enquanto entra numa porta para roubar coisas.. Who's bad!

Mandando um moonwalk enquanto entra numa porta para roubar coisas.. Who's bad!

Para começar, você pode escolher entre três personagens genéricos, o carinha galã que é o herói do jogo e o mais equilibrado, o cara fortão lento e forte (duh) e a mocinha mais fraca porém rapidinha. No game você vai perceber que existem diversas formas de matar os caras maus, desde o tradicional salto na cabeça até rajadas de metralhadora, o que é uma novidade nesse game, agora você pode entrar em portas azuis que contem power-ups, bonus em pontos ou reposição de energia. Energia? Sim! Agora você não morre no primeiro tiro, tem energia que pode ser recuperada com os famosos hamburgers e batatas fritas deixados em alguns apartamentos.

0035

Tá dificil de achar seu personagem?

Outra inovação que foi muito bem-vinda nessa nova versão foi o modo co-op. O único problema em jogar com outra pessoa é que ela não pode ficar para trás ou morre, principalmente nas fases verticais, mas como o ambiente é gigantesco em relação aos personagens, dá para interagir tranquilamente com um segundo player, só atentando para não esmagá-lo com um elevador ou “puxar” a tela para cima antes que o outro esteja seguro.

Fogo na galera!

Fogo na galera!

No geral, o jogo flui muito bem, os personagens são minúsculos mas bastante detalhados e com animação caprichada, é possível até ver as cápsulas das balas voando, o recuo da arma nos tiros e até a troca da munição. Alguns elementos do cenário podem ser usados como armas, como os toneis explosivos e alguns objetos presos no teto, como cameras de segurança. Vale lembrar que os novos heróis também podem correr, com o tradicional “dois pra frente”, muito útil.

0074

GWAAAAH ... último boss de terno rosa?

Fica aqui um video de gameplay do jogo, e minhas supremas recomendações.

Sobre Matt
Em 2003 inventou de criar um fotolog de mini-resenhas de arcade (/pushstart) e acabou conhecendo um bando de problemáticos que gerou uma zine (OGZ), um blog de resnhas (FTW) e agora a fusão dos dois (OGZFTW).

2 Responses to Análise: Elevator Action II (Arcade)

  1. Cosmão disse:

    Joguei demais essa porra no Saturn, um joguetão, principalmente se jogado à 2.
    Gosto da segunda fase, no avião e aeroporto, caprichadíssima.

  2. 9voltclub disse:

    Esse jogo tem numa das 4 coletaneas de arcade da taito pra ps2.

    Agora esse estilo mais serio do Elevator Action talvez não agradou muito e no terceiro jogo eles voltaram a ficar com um visual cartoonesco de novo, mas mantendo algumas inovações do 2

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: