Análise: Demon’s Crest (SNES)

GAME: Demon’s Crest
ANO: 1994
PRODUTORA: CAPCOM
ESTILO: Ação/Aventura
PLATAFORMA: Super Nintendo (SNES)
PLAYERS: 1 jogador
PASSWORD: sim

Não se assuste com a capa. Esse demônio com a cara de snoopdog é o heroizinho do game, os vilões são um pouquinho mais feios! Tinha bastante tempo que queria resenhar esse game, um dos meus favoritos do SNES, agora criei coragem, então vamos lá.

Esse jogaço criado pela capcom faz continuação ao não tão famoso Gargoyle’s Quest de nintendinho. Demon’s Crest (Demon Blaze no japan) continua a saga do gárgula chamado Fire Brand, que não é nada bonzinho, mas julgando o mundo dele ele fica sendo o “melhor” dentre os piores. A historia rola quando umas pedras mágicas caem na mão de um demônio mauzão ai, e o equilibrio do mundo vai acabar, etc etc etc. Tu entra na historia pra recuperar as pedras e manter o controle sobre o morro! (simplificando tudo)

Demon’s Crest é um game com um teor um tanto mais “adulto” pra época (meu amigo era evangélico e a mãe dele não deixava ele jogar) mas hoje em dia acho que passaria batido na mão de qualquer guri de prédio. O tema com seus demônios no mundo sobrenatural que querem invadir a terra (estilo yuyu hakusho) tambêm não tem mais a mesma cara de novidade de hoje. Se olharmos pro lado da historia, o jogo deixa a desejar, mas se olharmos por outro lado, gráficos, música, diversão, o jogo é impécavel!

O jogo é uma mistura bem balanceada de digamos, castlevania com elementos de rpg encima daquele clima ghoul’s and ghosts. Aliás, o personagem já deu as caras no game, sendo encontrado na primeira fase do jogo (ele é aquele sub-chefe chato pra kct). No começo já encontramos um inimigo bem hardcore no visual (mas fácil de matar).

O jogo possui várias fases e um sistema de mapinhas visto de cima que lembra act raiser ou final fantasy (quando você pega um dos barcos flutuantes). Não existe linearidade das fases, deixando você escolher por qual delas ir primeiro. É claro que alguns lugares só são acessados depois que você pega alguns itens, obrigando você a voltar para a fase pra acessar os lugares que antes não podia.

Alias o grande destaque desse jogo são as formas que você adquiri quando pega umas pedras mágicas. Cada uma te transforma em um gárgula diferente com poderes diferentes. No total são 6 formas diferentes que você vai usar nas fases de mato, agua, cavernas, castelos etc (tem uma cidade inclusa, que lembra muito castlevania II ).

Os inimigos são bem feitos e variados, num cenário a altura do jogo. Destaque para os chefes que as vezes dão um pouco de trabalho se você não souber qual o macete de cada um. Ao matar um você ganha um item, que pode aumentar o life, ou uma pergaminho que pode conter magias, potes pra guardar poções ou peças da armadura que te dão poderes secundários.

O jogo possui vários finais, senodo possivel zerar o game sem ter coletado tudo. No entanto o final de verdade só aparece quando você coleta todas as bugigangas das fazes. O que é o mais trabalhoso, lembro que faltava uns 2 itens pra eu terminar o jogo no modo full! Mais um atrativo depois que você acha que já fez tudo.

CURIOSIDADES:

* O personagem principal tem vários nomes durante a carreira, firebrand, red arremer e red demon são alguns deles.

* O personagem fez aparições em vários games de luta, entre eles SNK X CAPCOM (neo geo pocket, 1999) e NAMCO X CAMPCOM (playstation II, 2005)

* o jogo faz parte da série gargoyles quest (Atualmente abandonada)

Algumas imagens do nosso gárgula durante sua carreira:

Sobre VIDEL
Como me definir? vá em /configurações/opções/melhorar resolução da cara do videl

15 Responses to Análise: Demon’s Crest (SNES)

  1. Carl disse:

    Gostei do Jogo,
    vou ver se baixo a rom.

  2. Cosmão disse:

    Jogo bacanudo. Nunca fiz o segundo final, só o primeiro, mais simples e rápido.
    Qualquer dia pego pra jogar a FUNDO…

  3. GLStoque disse:

    Nunca vi o final de verdade.
    Acho que o último chefão que
    nem sei se era último nunca foi derrotado.

  4. Nesbitt disse:

    Nossa, muito legal a análise…acho que devia fazer com os outros jogos também!!

    Hehe!!

  5. rafael disse:

    como consegue o ultimate gargoyle?

  6. BIGUETE disse:

    Fodaaaaaaaaaaaaaaaaastico!

  7. BIGUETE disse:

    Outro jogo foda:Majyuuou Rei Dos Demonios,jogaço,qro uma Análise dele!!!

  8. BSL disse:

    Para pegar o último gargula, vc deve pegar todos os outros itens (TODOS!!!) e vencer o phalanax até a sua última forma. Haverá um final, e ao fim deste um password, utilize-o e vá enfrentar o mega chefão!!!

  9. Crested Dark disse:

    Eae galera…Bom aqui fala Crested Dark (Crista Escura)
    Bom aqui no meu bairro me chamam de Dark (apesar de eu não ser negro/sem ofenças).
    Temos um grupo aqui chamado de T.P.O.T.D.C (The players of the Demon’s Crest)
    Fizemos camisetas e tal…Bom…isso não é bem o que eu quero Digitar nesse site!
    Eu tenho o passoworld de todos os itens (incluindo full game-o jogo completo no caso)
    Passoworld:
    QFFF KNRR DDLR XGTQ

    tem outros a baixo:

    TDGM JRMB DBWB ZWSB(Todos os itens, podemos lutar com Phalanx em sua forma final, podemos lutar Demon Dark.)

    RBNL XHGB VGBB LYLD(Modo Chefão)

    ZVHW FBBR VKZS TVTS(Dragão Derrotado, 1 Crest, e 1 Urna)

    FDQP QRMB FGNH GTKL(jogar como gárgula final)

  10. L.Graven disse:

    Muito boa a resenha, com exceção dos cunhos “snoopdog e “heroizinho”, transformando o capiroto num reaper bacaninha, lolz.
    Mas é como na série Legacy of Kain, não é possível determinar bem e mal definitivos, não existe esse preceito.

  11. Victor disse:

    Não gostei da sua review não. Deu muita informação errada, por exemplo quando diz que um dos nomes do personagem é “red aremer”, enquanto esse é o nome da espécie dos demônios vermelhos. A descrição da história também ficou muito relaxada e sem condizer com a história do jogo. Tenta estudar antes de escrever.

    • VIDEL disse:

      Ok um comentário digno de resposta, vamos lá!

      Não gostei do seu comentário. Deu muita informação errada, Por exemplo quando diz que um dos nomes dos personagens NÃO é Red aRremer (faltou um R, perdão da minha parte)…
      Então me explique isso:
      http://capcom.wikia.com/wiki/Red_Arremer

      ou

      Players control the character of Firebrand (known as the Red Arremer in Japan) fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Ghosts_%27n_Goblins_%28series%29

      e em vários outros locais red arremer é citado como nome do personagem, uma busca no google já mostra isso! E não to afim de procurar minha super game power na gaveta pra ter que usar mais fonte bibliográfica)
      O que você esta fazendo é o mesmo que falar que o nome do ash (pokémon) não é Ash é SATOSHI (versão japonesa) os dois são CERTOS! se o nome “red arremer” é tambem o nome da espécie de um demonio, tudo bem, pikachu é o nome e uma especie de pokemon tambem (sabia que pokémon ia me ser útil um dia)

      Agora você não ter gostado do post, tudo bem, sua opinião pessoal, isso é incontestável, vai do gosto do freguês!

      E o modo como o review foi feito, é pra ser algo superficial, não estou afim de abordar o jogo a fundo, fazer um detonado, um relatório ou artigo ciéntifico. Escrevo pra descontrair.

      Me desculpe minha interpretação (provavelmente equivocada) mas você parece (enfâse no PARECE) ser um daqueles fãs chatos de senhor dos aneis (não estou a falar que você é fã do senhor dos aneis, só usei uma analogia) mas como não te conheço, nem tenho como julgar!

      E mandar eu estudar antes de escrever? por favor cara… cresça (Se eu estiver falando com uma criança, ignore essa ultima sentença eahuhaueuhae)

  12. vg disse:

    Cara,vc e d+!!!!!!!!!!!!!!!!!

  13. Hareon disse:

    Achei muito legal mas gostaria de um detonado do jogo. Poxa, não consigo todas as pedras e nem todos os talismãs. Pior que detonado desse excelente jogo não se encontra fácil por aí. Eu só zerei no primeiro final, o mais rápido rs

    Sobre o jogo, é de longe um dos melhores do Super Nintendo, possui gráficos excelentes pra época e aquele modo de seleção de fases foi praticamente inovador. O jogo tem um bom replay devido às necessidades das trasnformações das fases. Eu mesmo ainda não acessei todas, mas estou tentando conseguir isso.

  14. zol disse:

    tenho com caixa manual e tudo com os respectivos plasticos! Nao vendo por nada, esse hoje em dia eh raridade completinho. Foram muitos e muitos dias jogando pra fazer todos os finais! Amo esse jogo!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: