Clássicos até o Fim: Alundra [7]

Pois bem, demorou mas estamos de volta com o Alundra! Depois de todo o papo de Melzas no capítulo passado, ganhei um earth scroll, magic seed e o primeiro crest, o Ruby Crest. O earth scroll é a minha primeira magia, baseada no elemento terra (não diga?), e gasta-se o magic seed cada vez que se usa (sério?). Depois dessas explicações desnecessárias, vamos dar continuidade ao enredo do jogo.
Saindo do quarto, falei com Jess e ele me conta as novidades: Nadia e Bonaire estão de cama! Ambos doentes por causa de pesadelos. Passei na casa de Bonaire e ele só sabe delirar com uma tal de Sara, talvez sejam sonhos eróticos, deixem o rapaz sonhar! Enquanto isso, Nadia só diz “Bonaire, Bonaire”, o que me lembra a canção italiana “Volare”, or something…..mas eu estou fugindo do enredo denovo………
ARRAM, Septimus está ao lado de Nadia e diz o óbvio: “só você pode salvá-la, Alundra”! Nisso escutamos um estrondo vindo de fora. Parece que em algum lugar por aí coisas vem explodindo……hum….Nadia uma vez disse que explodia coisa ao seu redor enquanto tinha pesadelos, o que serve de um ótimo pretexto pra todos saírem o mais rápido possível dali, mas isso não acontece. Nadia é apaixonada por Bonaire, e pede para trazê-lo até ali para lhe revelar os sentimentos, assim se acontecer alguma coisa com ela, o pobre rapaz pode se sentir culpado pelo resto da vida…

Septimus, não precisa me lembrar disso....

Voltei na casa de Bonaire e o que se escuta é o cara chamando pela tal de Sara. Lutas entra na casa e pede pra eu acordar Bonaire o mais rápido possível, Nadia está aos prantos esperando por ele. Mas que situação….

Bonaire’s Dream
Já no começo vemos o tolo do Bonaire correndo atrás da tal Sara, que parece que saiu de um comercial de cabelos…..Enfim, ative o cristal ao norte e o caminho pela direita se abrirá. Pisando na pedra, vamos parar numa região mais profunda…
Dê a volta nas bolas de espinho e pise denovo na pedra. À direita, na ponte, mais um cristal pra ativar. Volte e caia. Vá descendo até chegar no piso onde se salva o game. Ali uma pedra é móvel, ao movê-la, uma escada surge, suba e siga pra pedra da direita. Nas cavernas novamente, dê a volta e siga à nordeste, mate as gelecas e pegue a chave. Ative denovo o cristal ali e suba pra pedra. Ao voltar, mexa em uma das pedras à esquerda para uma escada surgir onde vários espinhos ficam se movendo.  Subindo por ali, use a chave na porta e outra cena mostra Bonaire sendo feito de idiota pela tal de Sara denovo, que pede pro rapaz cruzar uma porta estranha…..eu hein. Pise no botão e volte. Observe que o bloco à direita sumiu. Dali, pule pra direita e jogue uma bomba na alavanca. Pise na pedra que vai surgir e seremos transportados pra um corredor com uma porta trancada e uma pedra à direita. Pisando na pedra voltaremos à tela central do lugar, siga pra ponte à direita e caia no baú abaixo pra pegar outra chave. Agora é só fazer o caminho de volta até a porta e entrar por ela. No corredor após a porta, ative o cristal esquerdo e desça, pulando no bloco que surgiu. Pegue a chave no baú e volte, ativando o cristal da direita agora. Pegue o LIFE-VESSEL no baú e siga pra pedra.

bombinha na alavanca e a última chave da dungeon

Depois de pegar o GILDED FALCON no baú, entre pela porta que o maluco do Bonaire entrou. Agora aparece ele seguindo por uma ponte até Sara, que parece tentá-lo das piores formas possíveis. Ao chegar nela, Sara me vê e diz que não gosta de intrusos no seu sonho. E manda um bando de capachos me pegar! Rá, dei cabo de todos! Na próxima sala, acontece o que eu temia: Sara vira um DEMONHO!

Chefe: Sara

Sara programando um "montinho"

É uma batalha demorada, pois o demonho se teleporta o tempo todo, o que só dá pra acertá-lo uma vez só. Não é uma luta difícil, basta ficar esperto nos 3 tiros que o chefe solta cada vez que some.

Destruída, Sara promete que vai destruir a alma daquela que ama de verdade Bonaire, ou seja, Nadia corre perigo! Aliás, corria….Ao voltar para o mundo real, Bonaire acorda e diz pra todos que Nadia corre perigo. Nessa hora surge Septimus e dá a notícia de que Sara partiu dessa pra melhor…..é meus amigos, os pesadelos fatais fizeram mais uma morte no jogo, até quando isso vai durar?
Veremos no próximo capítulo de Alundra.

4 Responses to Clássicos até o Fim: Alundra [7]

  1. Alexandre disse:

    Não adianta. Eu não consigo gostar de Alundra. Por mais que eu adore a ideia de trazer um clima “SNES” no Playstation, não gostei nem um pouco da jogabilidade…

    Porém, ao contrário de muitos, achei Alundra 2 um excelente jogo. Tanto é que quase terminei, mas meu CD parou de funcionar. Qualquer dia vou baixá-lo e terminar pelo emulador mesmo.

    Bem, mas gosto é gosto.

  2. junior disse:

    quem tem alundra1 ae para mim vender?

  3. Refrigerante de Tomate disse:

    Tenho um que gravei ano passado, vendo por 30 pilas, único no mercado.

  4. Rafael disse:

    Não vai postar a parte 8 do detonado?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: